sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Olhar sedutor



Mulher, seu olhar sedutor me leva a loucuras infindas, pois sei que não é minha, mas se fosse a levaria às nuvens para amá-la até nos exaurirmos e com asas de anjos iríamos beijar a lua e nela repousar.


quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

AVISO:



Queridos amigos

Eu fechei os comentários por tempo indeterminado
Estou com problemas de saúde e pelo jeito
Vou ter que operar os dois pés
A dor é muito grande e preciso de repouso
Quando sarar voltarei aos comentários
Desculpem o transtorno
Obrigada

Minicontista2

terça-feira, 26 de janeiro de 2016

mini beijo infantil



Hoje em especial vou falar do mini beijo infantil. É um beijinho rapidinho de crianças que ingenuamente imitam os adultos tanto em casa (saudável) como fora, pois o beijo é liberado em qualquer lugar e, quem tem crianças, com certeza, elas irão imitar os mais velhos.
Que Deus as conservem na ingenuidade por muitos anos, não é o que está ocorrendo com as crianças de hoje, ora vítimas de estupro, ora por imitação.
Que Deus cuide de nossas crianças e que os pais também façam suas partes, atentos nas mudanças comportamentais para não "debulharem" em lágrimas doídas.
Eu amo as crianças e na sala de aula nunca fiz diferença entre elas. São todas anjinhos dos céus que precisam aprender a voar na sua sabedoria. 
Um beijo a todas as crianças do mundo!!


segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Sonhos



A vida é feita de sonhos, uns possíveis outros impossíveis; mas como é bom sonhar... Para sonhar não pagamos nada, flutuamos até o infinito. Mas o gostoso mesmo é sonhar com um grande amor, aquele que faz nosso coração acelerar só de pensar nos beijos e abraços, então agarre e realize esse lindo sonho para ser feliz.
A vida é feita de pedacinhos de sonhos que juntando, lá na velhice poderá dizer: eu sonhei, vivi e realizei. Da até para pendurar na parede o quebra cabeça dos nossos sonhos, só não esqueçamos de colar as peças.


domingo, 24 de janeiro de 2016

O que é o amor ?


amor

O amor que envolve um casal (falo d'um casal que vive na mesma casa) é simplesmente maravilho. Há uma ânsia enorme de estarem sempre juntos, o que é deveras impossível, pois precisamos trabalhar para viver.
O gostoso é ver que não há discriminação, só no amor. Nosso coração não vê cor: é uma atração que extrapola todos os conceitos de poder ou não e fica só o querer. Que bom! Pelo ao menos nisso cada um decide com quem quer ficar, mas em outros setores é terrivelmente exposto, é um descaso, é um pecado que terão que pagar aqui na Terra.
O amor se torna um zelo que ambos comungaram em juramento sacramentado ou não, mas é um doar-se, é querer ser feliz e fazer seu companheiro(a) mais feliz ainda.
O beijo tem gosto de paixão enlouquecida, o abraço mais gostoso é aquele que rodeia o pescoço  e termina num aperto de corpos dando para ouvir o bater do coração do outro acelerado de amor. É tão bom amar!
Quem ama verdadeiramente o dia se torna "uma semana" para se encontrarem e, mais tarde começam aparecer os fedelhos desse amor para completar a felicidade.

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Ousadia



Na vida ou você se agarra à ousadia para vencer todos os obstáculos que virão; questionando seus direitos com firmeza, mas com educação ou será para sempre um derrotado. Elabore um itinerário difícil, mas possível para chegar ao seu sucesso. Não se deixe influenciar, use da firmeza nas suas decisões. Sonhe e vá à busca do seu objetivo de vida. 


quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

A pureza da vida


criança

Não existe nada mais lindo do que ver a pureza de crianças conversando no meio das flores, da uma saudade danada no nosso tempo de criança que não volta mais.


"jacalé foi a fêla"


Meu filhote

1 ano e 1 mês, no dia das mães
Cantou pra mim

Jacalé foi a fêla
Num tinha u qui compá
Compou uma cadêla
Pra mamãe
Si sentá
A mamãe si sentô
A cadêla esbulachou
Tadinha da mamãe
Foi palá nu culedô
*
Quantas saudades
Foram momentos inesquecíveis

domingo, 17 de janeiro de 2016

Fugi do inferno



Cansada da agressão verbal do meu marido alcoólatra, apanhei alguns pertences e meu lindo filhinho, saí à deriva pelo mundo à procura de um porto seguro para que pudesse criar e educar meu filho no caminho do bem. Arrumei um trabalho como cozinheira numa boa família que não fez nenhuma rejeição contra meu filho, aliás gostavam muito dele, pois sem filhos a criança veio trazer alegria aquele casal.
O tempo passou, meu garoto cresceu, eu arrumei um companheiro e fui viver com ele, mas como a criança foi muito amada pela família, durante o dia ficava com eles e à noite vinha pra casa.
Eles fizeram dele um excelente advogado que soube há tempo que seu pai verdadeiro havia morrido na "praia dos alcoólatras" e a vida continuou...


sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

Um amor incondicional


Eu tenho um amor incondicional e por ele sou capaz de morrer no seu lugar para que ele perpetue um exemplo de amor que aos poucos está morrendo, devido a ganância humana. 
Amar é doar amor a um pequeno ou grande desconhecido e por ele sorrir e chorar as suas dores durante toda a sua vida.


quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Nossa juventude



Ah! nossa juventude que há muito ficou pra trás e não olvido nossas roupas e enfeites transviados e belos que faziam de nós pessoas lindas, amadas e felizes. Hoje temos boa recordação d'um tempo que não existe mais.


segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

Amor é uma ilusão, mas pode ser tudo



Amor é uma ilusão que por algum tempo é deliciosa, a paixão é a vida do amor, mas de repente o amor esfria, inquieta, engana, briga. Ter a certeza que esse amor acabou é uma ilusão que se perde.

Aviso
Postarei só às segundas -feiras
se estiver bem.

quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

PARADA OBRIGATÓRIA


A partir de amanhã, esse blog encerra suas atividades por tempo indeterminado ou para sempre, já ficam aqui minhas saudades.
Vou sair longe, quando voltar respondo os comentários.
Minicontista2
rosa

Meus amigos eu só vou responder uma vez cada pessoa
preciso repousar

segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

O primeiro beijo



O primeiro beijo se dá em qualquer fase da vida, é um beijinho muito rápido e sem graça, pois somos muito pequenos e nossos hormônios ainda não começaram a amadurecer, mas passado algum tempo o beijo se faz necessário para o casal que cresceu um pouco, sentam na grama e o beijo é mais intenso e algo estranho acontece e uma mãozinha boba começa a deslizar o corpinho da jovem.Gosta, mas sai em disparada para sua casa.
O enlace sai depois de quatro anos, para ela foi um sufoco, mas sempre teve um propósito de se casar virgem e assim aconteceu. O casamento foi lindo!
Saíram de fininho em lua de mel.kkk



domingo, 3 de janeiro de 2016

O Mundo do amor

   
                                                     amor

Eu sou a filha da Lua e você é o filho do Trovão, estamos a nos casar com muita paixão, fazer uma revolução na Terra, onde a vida seria só de alegrias e  felicidades. Não haveria casamento só o nosso e como temos que rapidamente povoar a Terra, os trovões e as luas teriam vários filhos e saberiam os seus  pais.
Todos haveriam de se amar com muita paixão e todos trabalhariam a Terra para formar uma enorme comunidade em cada continente  de pessoas boas. Voaríamos com as nossas próprias asas para nos encontrarmos com outro amor em outro continente, assim homens e mulheres seriam livres para amar quem quisesse.
As crianças nasceriam e em três meses já seriam adultas com os mesmos direitos, não haveria morte e quando a Terra estivesse cheia, todas as mulheres ficariam estéreis, depois de povoada a Terra cada homem respeitaria sua mulher e vice/versa.
Cada canto um amor, um beijo apaixonado e juntando uma grande comunidade fariam uma grande festa e do Céu as estrelas começariam a cair, haveria o dia e a noite. Da Terra tiraria seu próprio alimento e haveria abundância de cachoeiras com águas puras e cristalinas. A noite a Lua clareava ou escurecia as grande ondas do mar e a felicidade faria todos sorrirem. (ficção).
                                                                                 
                                             

sábado, 2 de janeiro de 2016

Papai Noel: esqueceu de mim?




Ah! Papai Noel,novamente estou triste com você, o meu presente não veio, o que aconteceu? Pedi a minha irmã mais velha escrever-lhe uma cartinha, pois sou pequenina e não sei escrever.
Mamãe disse que você está muito velhinho e não conseguiu subir o morro, mas ele irá chegar, talvez até hoje.
Fico cá pensando: será que mamãe está mentindo para mim, pois minha irmã escreveu a ele e levamos ao correio: queria uma simples bonequinha nem que fosse usada e de pano: Deixei a janela aberta para ele colocar o presente, sonhei a noite inteira com a bonequinha.
Alguém bondoso condoído com minha cartinha comprou uma maravilhosa boneca de pano e a deixou dentro do meu quarto.

Chorei de felicidades!